Portais de Luz

Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Parceria

Facebook
Palavras chave

quente  Cordões  amuletos  fria  energia  energéticos  

Novembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930   

Calendário Calendário

Últimos assuntos
» O atomo sob a Luz da Clarividencia
Qui Set 14, 2017 9:01 pm por Lancelot

» Piano Bar Convívio
Qui Set 14, 2017 9:00 pm por Monge Copista

» Uma frase por dia - Um pensamento para a vida.
Qua Set 13, 2017 12:25 pm por Monge Copista

» Hermetismo
Sex Out 28, 2016 3:52 pm por SombeR

» Qual será a religião perfeita?
Dom Ago 14, 2016 10:36 am por Lancelot

» Feliz Natal
Sab Jan 02, 2016 12:45 am por Ondine

» Numerologia
Ter Dez 01, 2015 8:14 am por Lancelot

» BÍBLIA, QUAL A MELHOR VERSÃO ?
Sex Nov 13, 2015 11:30 am por Monge Copista

» Como Escrever o Pacto com Lúcifer
Qui Nov 12, 2015 6:17 pm por Monge Copista


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Portais de Luz » Auto-Ajuda » Terapias » VOCÊ É TOTALMENTE RESPONSÁVEL POR TUDO QUE LHE ACONTECE

VOCÊ É TOTALMENTE RESPONSÁVEL POR TUDO QUE LHE ACONTECE

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 2]

Maxweel


Aprendiz
VOCÊ É TOTALMENTE RESPONSÁVEL POR TUDO QUE LHE ACONTECE


"Não acontece aos homens aquilo que eles merecem, mas sim o que se lhes assemelha."

Por: Louis Pauwels



Se olharmos objetivamente nossa realidade, veremos que existem pessoas que nos magoam, que nos tratam mal, que são desleais etc. Entretanto, subjetivamente, somos nós que atraímos pessoas e acontecimentos negativos, pela propagação de ondas também negativas. As ondas emitidas pelo pensamento, palavras e atitudes nos trazem o retorno correspondente. E como este retorno se processa? Na mesma moeda? Nem sempre. Muitas vezes alguém nos fere emocionalmente e tem seu retorno no lado material, por ser este o seu ponto vulnerável naquele momento.

Muitas pessoas têm retornos negativos sem "motivo aparente", tais como angústia, depressão, melancolia, sentimento de solidão etc. É muito comum afirmarem: não entendo porque acontece tanta coisa ruim para mim … eu não faço mal a ninguém … etc. Na realidade, fazem mal a si mesmas com seu próprios pensamentos, mas não têm consciência de sua mente negativa e acham mais fácil culpar terceiros.

Mais modernamente, as ondas emitidas pelo pensamento vêm sendo abordadas pela chamada Física Escalar. Salvatore de Salvo, em sua obra "Sinfonia da Energética", nos explica a teoria das energias virtuais e das ondas escalares que esclarecem até os fenômenos da telepatia e da radiestesia.

Da mesma forma, esta teoria explica as ondas do pensamento e seus retornos. Assim, se você pensa ou fala uma frase negativa, o retorno será também negativo, em forma de situações ou pessoas. Até aquela "puxada de tapete" que levou em sua vida foi criada por você. Mas a tendência é "apontar o dedo" para os outros, quando deveria voltá-lo para si mesmo.

A crítica, uma das vibrações negativas mais comuns, é responsável por uma série de situações ou pessoas negativas que atraímos. O orgulho, o autoritarismo, a intolerância, a impaciência, a vaidade excessiva do EGO etc., são expressões corriqueiras, mas responsáveis pelos acontecimentos negativos que deparamos ao longo de nossa vida.

E como melhorar? Primeiramente, é preciso se conhecer profundamente, para, em seguida, escolher e aplicar uma ferramenta adequada à sua autotransformação.

Inicie sua auto-análise perguntando-se: eu sou uma pessoa positivista?

Antes de responder, analise as seguintes situações comuns:

1. Quando alguém lhe pergunta COMO VAI? Você responde: "mais ou menos", "vou indo", "vou vivendo", "levando" ou desata a contar a todos os seus problemas. Se você se encaixa nessas situações ou similares, vai continuar MAIS OU MENOS, INDO, LEVANDO, VIVENDO como sempre, além de agravar os seus problemas por estar emanando repetidamente as respectivas ondas negativas cada vez que fala com alguém.

2. Quando fica doente, conta para todos, numa tentativa (consciente ou inconsciente) de atrair atenção (e a compaixão) pela dor? Se procede desta maneira, sua auto-estima deve estar muito baixa. É possível atrair a atenção (e a admiração) pelas suas qualidades que, com certeza, devem ser muitas.

3. No ambiente de trabalho, quantas vezes se flagrou pensando: "ninguém me dá o justo valor", "trabalho como um burro de carga e ninguém reconhece", "ele não faz nada e ganha muito mais do que eu, que injustiça", "ele é um incompetente", "esta empresa é uma droga" e outras que você já deve ter se lembrado.

Já lhe ocorreu que as pessoas ao seu redor REAGEM às ondas que você emite? Como quer ser reconhecido, ganhar mais, trabalhar numa empresa melhor, atrair bons colegas etc., se dentro de você existem apenas críticas e lamentações? Que ondas você está emitindo, positivas ou negativas?

4. Na área afetiva, quantas vezes se flagrou pensando "ninguém me ama", não consigo ter alguém", " fulano ou fulana vive me magoando", "pensa que me engana", "aposto que está mentindo", "quanta cobrança", "assim não dá", "se quiser, vai ser assim", "no início era gentil, agora …", etc.

Como pode almejar um relacionamento harmonioso se não acredita em você e em seu parceiro ou parceira? Como quer ser amado ou amada se não se ama? Como deseja ter alguém, se não faz concessões? Como quer fidelidade se não acredita que isto seja possível?

No início falamos em crenças absorvidas de nosso meio, lembra-se? Quando era criança, quantas vezes ouviu de seus pais "você não faz nada direito", "esta conversa é de adultos, retire-se", "você é irresponsável", "não adianta mesmo, você não aprende" etc. As críticas sempre foram muito mais enfatizadas do que os elogios. E se já tem filhos, quantas vezes falou o mesmo para eles, quantas críticas foram feitas em relação a cada elogio?

Assim, como alguém tão humilhado e desvalorizado poderá se tornar uma pessoa positivista?

Ainda no ambiente familiar, quantas vezes presenciou discórdias entre seus pais? E quantas vezes os presenciou namorando? Qual foi a imagem que eles projetaram da vida, fácil, agradável ou dura e difícil? E se você já tem filhos, qual é a imagem que está projetando para eles?

Como você está neste momento de sua vida? Feliz, saudável, satisfeito sob todos ou quase todos os aspectos? E você acredita que isto é possível? Ou costuma afirmar que "não se consegue tudo na vida, quando um lado está bom, o outro despenca" ou " até que enfim algo de bom está acontecendo para COMPENSAR o resto". Então você acredita que o bom somente existe como forma de compensação?

Finalmente, reflita sobre os aspectos positivos de sua vida. Você consegue enxergá-los mesmo em situações bastante complexas? Ou presta mais atenção aos aspectos negativos? Quando se lembra do passado, fica remoendo os maus acontecimentos ou adora se lembrar dos bons? Você agradece, antes de dormir, por tudo de bom que lhe ocorreu ou dorme pensando nos problemas?

Depois desta análise, responda-me, você é uma pessoa positivista?



Desenvolva sua percepção e mude seus padrões mentais:



Em todas as situações, por mais desagradáveis que sejam, existem sempre três lados: o negativo, que a maioria enxerga, o positivo, que raramente conseguem ver, e o terceiro lado que corresponde à MENSAGEM do momento, que nada mais é do que a LIÇÃO a ser aprendida.

Comece a prestar mais atenção nas situações que vivencia ou faça uma retrospectiva de sua vida. Tente perceber esses três lados e os seus EFEITOS no presente. Não se esqueça que o passado é imutável, mas seus efeitos podem ser trabalhados a qualquer instante. O mais importante é investir agora, em seu PRESENTE, que é a preparação para seu FUTURO.

Como exercício para o desenvolvimento de sua percepção, sugiro tirar algumas fotos de uma paisagem, em diferentes distâncias: a primeira bem longe, mostrando uma visão AMPLA do local; a segunda mais próxima, onde poderá observar alguns detalhes; a terceira bem mais próxima, focalizando algo importante, que se destaca naquela paisagem. O ponto de referência deverá ser sempre o mesmo, variando apenas as distâncias.

Contemple a primeira foto, analise a paisagem como um todo, anote o que acha interessante. Em seguida faça o mesmo com a segunda e a terceira fotos. Compare o que escreveu para cada uma e verá que, de cada ENFOQUE, você percebeu algo interessante e diferente.

Faça o mesmo com sua vida. Primeiramente "fotografe sua vida" de forma ampla, observe e faça suas anotações. Em seguida, aproxime o "foco" cada vez mais e anote. Faça o mesmo com situações que está vivenciando e descobrirá muita coisa que havia passado despercebida.

Além do desenvolvimento de sua percepção, será necessário também reeducar sua mente e, consequentemente, suas ATITUDES mudarão. Sua expressão e seu entorno são reflexos do seu interior, SEMPRE. Algumas regras poderão ser seguidas diariamente. Não são difíceis, mas exigem persistência, pois todos fomos acostumados a pensar de forma incorreta. Se você perseverar, gerará dentro de você uma grande transformação:

1. PARE DE SE LAMENTAR. Por pior que esteja sua vida, assuma que é o retorno do que já foi feito e que, de agora em diante, sua mente trabalhará a seu favor. Olhe ao seu redor e veja quanta coisa você já conseguiu em sua vida, quantas pessoas o procuram e gostam de você. Se perdeu bens materiais, emprego, dinheiro, amor, é PASSADO. Você atraiu tais situações em virtude da mente e atitudes negativas. Mas tudo poderá ser superado porque o tempo lhe trouxe novas experiências que o capacitaram a atrair situações e pessoas melhores. CONFIE EM VOCÊ e afirme sempre que sua vida está ótima.

2. PARE DE SE DESVALORIZAR. Enxergue-se positivamente e veja SEU PRÓPRIO VALOR, sem vaidade excessiva do EGO. Pare de exigir reconhecimento dos outros. Se você tem certeza de que faz o melhor, elogie-se, reconheça-se e acabará atraindo reconhecimento. Reafirme sempre EU SOU CAPAZ, EU ME AMO E SOU AMADO. Se ainda não se acha capacitado profissionalmente, vá à luta e faça uma lista do que deverá estudar ou praticar para melhorar seu desempenho.

3. PARE DE CRITICAR os outros e a si próprio. Você não vai jamais mudar ninguém, muito menos através da crítica. Se deseja ajudar alguém, indique bons livros, cursos, terapeutas etc., jamais critique. Da crítica emanam energias altamente negativas que retornam para si mesmo. Com os filhos e subordinados adote o diálogo, a troca de informações, o elogio.

4. VIGIE SUA MENTE. Até que sua mente esteja relativamente reeducada, preste mais atenção aos seus pensamentos. Quando se flagrar em pensamentos negativos, emita um COMANDO MENTAL: "cancele este pensamento" e neutralizará as ondas negativas, se houver sinceridade em suas palavras.

5. TORNE SUA MENTE MAIS FLEXÍVEL.. Desenvolva a flexibilidade mental praticando exercícios corporais, pois existe uma interação total entre mente e corpo. Uma mente flexível permite enxergar as situações sob novos prismas. Mesmo que você não evite determinadas situações ou problemas, poderá enxergá-los de uma outra maneira e solucioná-los sem ansiedade e nervosismo.

6. DESENVOLVA SUA CRIATIVIDADE: a "criação" é a maior dádiva que herdamos. Todos nós a temos em potencial, embora algumas pessoas a acessem com mais facilidade do que outras. Muitas vezes temos idéias extremamente originais ou inovadoras e não temos a ousadia necessária para as expor ou aplicar. O novo sempre é assustador para a grande maioria. Preste mais atenção às suas idéias e sempre que surgir alguma que lhe pareça estranha ou ousada, reflita mais atentamente sobre a mesma. Durante muito tempo a criatividade foi associada às artes, em geral. Hoje sabemos que no mundo dos negócios o que mais conta é a originalidade e a ousadia de correr riscos.

7. PENSE POSITIVAMENTE. Com sinceridade e utilizando-se dos métodos de diagnósticos propostos neste livro, proceda a uma auto-análise. Verifique o que precisa ser mudado e, para cada caso, escreva uma frase positiva, de acordo com as seguintes regras:

a) As frases deverão ser expressas no tempo PRESENTE. Traga o futuro desejado para o presente. Ex.: se você é crítico, afirme: "sou tolerante e aceito as pessoas como são". Se é autoritário, diga: "uso corretamente minha autoridade e respeito a opinião dos outros". Na realidade, você deverá mentalizar o contrário do aspecto negativo que deseja transmutar.

b) Nunca use em suas frases palavras negativas como: NÃO, NUNCA, NEM, NINGUÉM etc. Assim, não afirme "não sou ciumento" e sim "confio em mim e em meus semelhantes".





c) Não use verbos que denotem o FUTURO, como QUERER, DESEJAR, ALMEJAR etc. Você estará sempre jogando para o futuro o que deseja alcançar. Diga: "eu já sou ….", "eu já tenho …", "eu já estou …".





As mentalizações positivas devem ser feitas sempre que tiver um tempo disponível, no trânsito, no intervalo para almoço, à noite etc. Mas sempre que possível, faça-as em estado de relaxamento, pois terão um efeito mais rápido, principalmente se forem feitas antes de dormir.

Créditos - Por: Louis Pauwels



                                                             
Gostou, indique para seus amigos !
                       
 ….. LEMBRE-SE SEMPRE  …. INVISTA  EM  VOCÊ A TODO O MOMENTO ….. MAXWEEL …..  

Ver perfil do usuário
O que posso comentar a respeito desse texto é que tem algumas coisas para corrigir.....

Primeiro não considero que sejamos "TOTALMENTE" responsáveis por tudo q nos acontece......

Muitos filhos pagam pelos erros dos pais.....
A humanidade está pagando pelos erros de poucos........
Pois na hora em que o equilíbrio tem q ser restabelecido, não há como separar culpados de inocentes.....

E ai nasce o sentimento de evoluir....
Pois caberá aos inocentes, resistir aos sofrimentos que lhe foram acometidos usando de todo conhecimento, para evitá-los, eliminá-los ou pelo menos mitigá-los.......

Voce pode ser o espelho do buda, mas nem o próprio buda deixou de enfrentar e evitar o negativos......
Nem o próprio Cristo, com toda sua evolução, conseguiu evitar a dor......

Não quero dizer q este texto esteja errado, somente esclareço no meu entendimento que ele apenas responde uma parte do que nos acontece provocados por nós, mas não responde quando provocados por outrem.


_________________
SDS

Monge Copista, Copeiro, Espadado, Chaveiro, Sarcástico, Piadista, Diarista.....
Ver perfil do usuário

Convidado


Convidado
Monge Copista escreveu:O que posso comentar a respeito desse texto é que tem algumas coisas para corrigir.....

Primeiro não considero que sejamos "TOTALMENTE" responsáveis por tudo q nos acontece......

Muitos filhos pagam pelos erros dos pais.....
A humanidade está pagando pelos erros de poucos........
Pois na hora em que o equilíbrio tem q ser restabelecido, não há como separar culpados de inocentes.....

E ai nasce o sentimento de evoluir....
Pois caberá aos inocentes, resistir aos sofrimentos que lhe foram acometidos usando de todo conhecimento, para evitá-los, eliminá-los ou pelo menos mitigá-los.......

Voce pode ser o espelho do buda, mas nem o próprio buda deixou de enfrentar e evitar o negativos......
Nem o próprio Cristo, com toda sua evolução, conseguiu evitar a dor......

Não quero dizer q este texto esteja errado, somente esclareço no meu entendimento que ele apenas responde uma parte do que nos acontece provocados por nós, mas não responde quando provocados por outrem.
Concordo...

Acrescento ainda que por vezes a lição em "ser apanhado" no meio de situações que não provocamos reside em aprendermos que muitas lições e situações não devem ser tomadas como algo pessoal. Se conseguirmos fazer isso, também ajudamos a quebrar alguns ciclos e correntes de negativismo com coisas e situações que nos acontecem. Ao invés de estarmos sempre a achar que "tudo anda aí para me apanhar/prejudicar".

Caverna

avatar
Determinado
Determinado
É parte de uma verdade, mas não a verdade completa!

Caverna, Ave!


_________________
"NA NATUREZA, NADA SE CRIA, NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA...!"
(Clazômenas)
Ver perfil do usuário
Apesar dos débitos passados, eu ainda continuo a acreditar que temos livre arbitrio para escolher o caminho.

Ver perfil do usuário http://portaisdeluz.forumeiros.com

Convidado


Convidado
Lancelot escreveu:Apesar dos débitos passados, eu ainda continuo a acreditar que temos livre arbitrio para escolher o caminho.

A partir do momento que tomamos consciência de muita coisa, a nossa caminhada torna-se mais livre. Podemos se calhar evitar algumas dores que só lá estariam para tentar que entendêssemos um processo, ou para abrirmos os olhos.

Mas creio que da dor ninguém se livra... Numa encarnação inteira parece-me impossível...

Apesar de acreditar que numa instância geral, tudo acabará bem, pois Deus não joga para perder, em termos pessoais, cada um é livre de fazer escolhas. Umas ajudam, outras desajudam... Pode até ser que uma pessoa vá completamente contra tudo o que se propôs fazer. E não quer dizer com isso que não aprenda nem evolua... Tudo é uma questão de contexto do indivíduo.

Convidado


Convidado
Apesar disso... Acho importante referir que somos o centro do nosso Universo Pessoal, do que criamos à nossa volta. Então apesar de existirem situações "especiais" em termos de situações que nos rodeiam - as quais não nos cabe influenciar, podemos ser muito beneficiados em tomarmos as rédeas do nosso mundo e com consciência construir a positividade nas nossas vidas.

Sirius

avatar
Caminhante
Então em síntese, o que nos acontece é uma combinação do retorno cármico, do que emitimos e do que nos corresponde...
concordam com estas chaves?


_________________
indikando "Se não for por algo de pesado... Não percas tempo com isso"
Ver perfil do usuário
Sem tirar a razão a ninguem.

Para mim o karma não é desculpa para tudo.

Muitas aprendizagens são novas e nada têm a ver com o karma.


_________________
Ver perfil do usuário http://portaisdeluz.forumeiros.com

Maxweel


Aprendiz
Sirius escreveu:Então em síntese, o que nos acontece é uma combinação do retorno cármico, do que emitimos e do que nos corresponde...
concordam com estas chaves?
 
 
Sobre o que vc escreveu, penso:
 
Como somos uma Centelha individual do criador interligadas umas as outras e ao Criador, no momento em desalinhamos alguma coisa (ou até nós mesmos ou gupos) que vem em desacordo com a evolução, ai entra o que vc falou ( combinação do retorno cármico ), que a meu ver não deveria ter este nome e sim DESALINHAMENTOS (efeitos retroativos) que como a diretriz é evoluir todos, no momento em que desalinharmos o efeito é automático, que de uma maneira ou outra devemos proporcionar a este desalinhamento um alinhamento (como se diz, sujou, limpa) para que possamos evoluir, mas isso é apenas um item, vai longe, mas por isso, quando estamos elevados, sintonizamos energias evolutivas e sintonizados não desalinhamos.

Ver perfil do usuário

Convidado


Convidado
Lancelot escreveu:Sem tirar a razão a ninguem.

Para mim o karma não é desculpa para tudo.

Muitas aprendizagens são novas e nada têm a ver com o karma.
Correcto... E no entanto depende de como você vê o conceito de karma no geral...

Se você tem uma aprendizagem nova, é porque ainda não tinha experimentado tal coisa. Será que se pode dizer, que havendo um "vazio" dessa experiência - e a natureza sempre preenche os vazios - e reacção natural da Vida seria atrair para si esta experiência? Se Karma é reacção, então também as novas experiências são karma... Tudo depende de como "rotulamos" os acontecimentos.
Creio que infelizmente o Karma está sempre cotado como algo negativo, o que não é verdade...

Mas sim, saindo do breve apontamento anterior, lógico que sim... O karma não explica tudo. Felizmente...
Dentro do contexto que apresentaste, como é óbvio, sempre podemos escolher viver novas coisas, aprender novas coisas, mesmo que estas sejam difíceis...

Maxweel


Aprendiz
Gwenhwyfar escreveu:

Se você tem uma aprendizagem nova, é porque ainda não tinha experimentado tal coisa. Será que se pode dizer, que havendo um "vazio" dessa experiência - e a natureza sempre preenche os vazios - e reacção natural da Vida seria atrair para si esta experiência? Se Karma é reacção, então também as novas experiências são karma... Tudo depende de como "rotulamos" os acontecimentos.

Os Maiores problemas são as terminologias, elas provocam mal entendidos, incompreensão  e contradições, entretanto o acima citado, " as novas experiências são karma " , claro que não ...., mas qualquer experiência gera uma reação, seja + ou - .
O Vazio citado acima, a meu ver seria uma falta (de equilíbrio), (uma constante da evolução) atrativa por si só, por nós mesmos no momento.

Mas o mais interessante seria a troca dos conhecimentos (experiências) entre nós com uma termologia acessível e compreensível, sendo assim podemos crescer em grupo com harmonia, sendo que por menor que seja o grupo, crescendo a energia expande-se naturalmente. Quanto mais em grupo evoluímos, melhor. Acredito que humildes e juntos podemos ir longe.

Ver perfil do usuário

Convidado


Convidado
Maxweel escreveu:
Gwenhwyfar escreveu:

Se você tem uma aprendizagem nova, é porque ainda não tinha experimentado tal coisa. Será que se pode dizer, que havendo um "vazio" dessa experiência - e a natureza sempre preenche os vazios - e reacção natural da Vida seria atrair para si esta experiência? Se Karma é reacção, então também as novas experiências são karma... Tudo depende de como "rotulamos" os acontecimentos.
Os Maiores problemas são as terminologias, elas provocam mal entendidos, incompreensão  e contradições, entretanto o acima citado, " as novas experiências são karma " , claro que não ...., mas qualquer experiência gera uma reação, seja + ou - .
O Vazio citado acima, a meu ver seria uma falta (de equilíbrio), (uma constante da evolução) atrativa por si só, por nós mesmos no momento.
Sim, meu caro, rótulos e terminologias acabam sendo um problema se não explicarmos o nosso raciocínio. Dizer "as novas experiências são karma" por si só claramente dá uma conotação errada... Por isso adiantei o que adiantei e expliquei um dos raciocínios por detrás.

Refiro-me assim, que poderia ser interpretado como uma forma de karma, no sentido em que por vezes você faz um estudo - independente do meio que você usar - e vê aquilo que a pessoa tem a trabalhar nessa vida (ou você próprio...). Com frequência a pessoa vai dizer que esses são os seus karmas... Mas não necessariamente, se introduzirmos o prisma de novas experiências escolhidas fora desse parâmetro de karma. Nesse caso, a grande diferença entre viver o karma e viver uma nova experiência seria, na melhor das hipóteses, o grau de dificuldade da exigência dessa experiência.
Vejamos também... Karma é reacção ao que fazemos, mas também ao que não fazemos... Por vezes se vê uma pessoa que não viveu determinada experiência durante várias encarnações ser chamada a vivê-la, e depois, estando encarnado, não a tem. Com frequência isso acumula karma. Este pode ser o exemplo do eterno eremita, que não se relaciona com outros seres, do estudioso que não partilha conhecimento, etc. ... Nesse caso, a experiência nova que depois negamos poderá gerar karma...
Bom... Espero que tenha conseguido explicar o queria dizer anteriormente.
Se discordar de alguma coisa, esteja à vontade para partilhar... Discordando ou concordando comigo, interessa-me apenas que eu tenha conseguido ser eficaz a explicar-me.

Pessoalmente não vejo esse vazio como um desequilíbrio por si só. Creio que o espírito anseia aprender e como tal sempre vai atrair aquilo que ainda não vivenciou - o modo como o vai fazer é que já depende de muita coisa...

Noutro raciocínio... karma não é necessariamente uma coisa negativa - ou pelo menos dependendo do modo como é entendido.
Há quem coloque karma como oposto a dharma ("mau" e "bom") em termos de reacção e há quem coloque dharma como a compreensão e consciência de algo, aquilo que se atinge após vivenciar o karma, que pode ser "bom" ou "mau" conforme as atitudes do próprio... Só aí já temos disparidade de interpretação... E acredito que interpretações e entendimentos acerca disto haja bem mais! Se tiver outro, partilhe também.

Maxweel escreveu:Mas o mais interessante seria a troca dos conhecimentos (experiências) entre nós com uma termologia acessível e compreensível, sendo assim podemos crescer em grupo com harmonia, sendo que por menor que seja o grupo, crescendo a energia expande-se naturalmente. Quanto mais em grupo evoluímos, melhor. Acredito que humildes e juntos podemos ir longe.
Meu caro, sempre que se juntam pessoas diferentes, com experiências diferentes, as terminologias diferentes e entendimentos diferentes vão aparecer. Não há volta a dar... Podemos sempre trocar ideias e sobretudo explicar a que é que nos referimos, que creio ser aquilo que todos tentamos fazer, e desse modo chegar a um entendimento claro entre todos, mesmo que isso implique não concordarmos. Portanto, continue partilhando e discutindo e se houver diferença de interpretação, não há problema algum...

Gwenhwyfar escreveu:

Meu caro, sempre que se juntam pessoas diferentes, com experiências diferentes, as terminologias diferentes e entendimentos diferentes vão aparecer. Não há volta a dar... Podemos sempre trocar ideias e sobretudo explicar a que é que nos referimos, que creio ser aquilo que todos tentamos fazer, e desse modo chegar a um entendimento claro entre todos, mesmo que isso implique não concordarmos. Portanto, continue partilhando e discutindo e se houver diferença de interpretação, não há problema algum...

é essa incrível capacidade de escrever que invejo dessa garota..... por isso sou seu FÃ ....... ainda estou sentado esperando aquela foto prometida.....


_________________
SDS

Monge Copista, Copeiro, Espadado, Chaveiro, Sarcástico, Piadista, Diarista.....
Ver perfil do usuário

Sirius

avatar
Caminhante
...agora só falta ela treinar a capacidade de síntese, tipo preto-velho. Falar/(escrever) simples, directo e pouco.


_________________
indikando "Se não for por algo de pesado... Não percas tempo com isso"
Ver perfil do usuário

Convidado


Convidado
Sirius escreveu:...agora só falta ela treinar a capacidade de síntese, tipo preto-velho. Falar/(escrever) simples, directo e pouco.
Síntese infelizmente é uma das minhas incapacidades...
Como aliás já tinha referido!
Admitidamente uma das minhas falhas. Principalmente alimentada pelo facto que cada vez que tento sintetizar algo infalivelmente falta algo que torna o meu raciocínio incompreensível. Acho que já nasci complicada (infelizmente)...

Mas meu caro Sírius... Cá entre nós, também gostas (muito) de escrever... E não vejo que os teus textos sejam assim tão curtos quanto isso!

Maxweel escreveu:
Gwenhwyfar escreveu:

Se você tem uma aprendizagem nova, é porque ainda não tinha experimentado tal coisa. Será que se pode dizer, que havendo um "vazio" dessa experiência - e a natureza sempre preenche os vazios - e reacção natural da Vida seria atrair para si esta experiência? Se Karma é reacção, então também as novas experiências são karma... Tudo depende de como "rotulamos" os acontecimentos.
Os Maiores problemas são as terminologias, elas provocam mal entendidos, incompreensão  e contradições, entretanto o acima citado, " as novas experiências são karma " , claro que não ...., mas qualquer experiência gera uma reação, seja + ou - .
O Vazio citado acima, a meu ver seria uma falta (de equilíbrio), (uma constante da evolução) atrativa por si só, por nós mesmos no momento.

Mas o mais interessante seria a troca dos conhecimentos (experiências) entre nós com uma termologia acessível e compreensível, sendo assim podemos crescer em grupo com harmonia, sendo que por menor que seja o grupo, crescendo a energia expande-se naturalmente. Quanto mais em grupo evoluímos, melhor. Acredito que humildes e juntos podemos ir longe.
Saudações.

Vazio.... Rsrsrsrrs. Vazio é Exu. Exu é o orixa do vazio. Rsrrsts
E uma gargalhada dele, é quanto basta para nos por em equilibrio.
Se bem que o Exu que comigo trabalha é mais discreto.

Maxweel, o bom disto tudo, é que somos todos de mundos diferentes. Eu sei que para melhor entendimento, era bom que se usa-se a mesma linguagem, mas não tem como. Mas por outro lado é bom, é sinal que temos experiencias a partilhar. E o mais engraçado disto, é que muitas vezes a experiência é a mesma, só o nome difere.


_________________
Ver perfil do usuário http://portaisdeluz.forumeiros.com

Sirius

avatar
Caminhante
Dizem que saímos da Era de peixes e entrámos na de Aquário... e que uma das características da nova era é a síntese...
Também eu tenho que trabalhar mais a síntese... mas quando vou às entidades entro em modo de síntese...
"Que é que o filho quer?"... R: "Quero saúde" ou "quero dinheiro" ou "quero trabalho"...

Os chineses é que têm jeito para isso. Certa vez fui a um restaurante chinês, e pedi entradas, prato principal, bebida... fartei-me de falar para o empregado. No fim do pedido, o tipo volta-se para a cozinha e diz só:
"Xin Xang Xung"... Isso é que eu chamo de capacidade de síntese! tongue


_________________
indikando "Se não for por algo de pesado... Não percas tempo com isso"
Ver perfil do usuário

Sirius

avatar
Caminhante
Monge: Anseio pela tua SUBLIMAÇÃO aqui neste plano, como encarnado.

E para te ajudar e para nos inspirar, envio-te este trailer e filme. ESPERO DE VÓS NÃO MENOS DO QUE O COMPLETO E INTEGRAL VISIONAMENTO!

MONGES CARTUXOS QUE VIVEM EM SILÊNCIO E ORAÇÃO RUMO À PURIFICAÇÃO E SUBLIMAÇÃO!

CONSTANTE MORTIFICAÇÃO DOS DESEJOS!






_________________
indikando "Se não for por algo de pesado... Não percas tempo com isso"
Ver perfil do usuário
Caro amigo, não sei se é comigo q estás falando.....

Mas, ao ver esses videos vc trouxe lagrimas nos meus olhos.....

Muita saudade de casa, depois de um terrível acidente que me fez cair aqui no mundo profano......

Embora meus irmãos monges não acreditem. Tudo por causa de uma garrafa de marafo que, sem querer, deixei cair dentro do jarra de vinho do jantar.......

Acabei sendo injustamente acusado de querer causar baderna e fui expulso pelo monge senior.......

Mas cá encontrei pessoas no fourm que acreditam na minha inocência, e confiam em mim de olhos fechados....

Né galera ????????????????



Última edição por Monge Copista em Qua Dez 04, 2013 12:44 pm, editado 1 vez(es)


_________________
SDS

Monge Copista, Copeiro, Espadado, Chaveiro, Sarcástico, Piadista, Diarista.....
Ver perfil do usuário
De copo cheio???

É claro que acredito.

E um amigo de Ze Pilintra e de Sr. caveira é meu amigo tambem.

Enquanto houver marafo, não existem desconfiança alguma. Rsrsrrsts

Ver perfil do usuário http://portaisdeluz.forumeiros.com
Lancelot escreveu:De copo cheio???

É claro que acredito.

E um amigo de Ze Pilintra e de Sr. caveira é meu amigo tambem.

Enquanto houver marafo, não existem desconfiança alguma. Rsrsrrsts
Tenho amigas também......


_________________
SDS

Monge Copista, Copeiro, Espadado, Chaveiro, Sarcástico, Piadista, Diarista.....
Ver perfil do usuário

Sirius

avatar
Caminhante
Monge... pensei que estavas no caminho da santificação e afinal... és o Rei do Pecado!


_________________
indikando "Se não for por algo de pesado... Não percas tempo com isso"
Ver perfil do usuário
Sirius isso é maldade.

É simplesmente uma amiga.

Nosso Monge é muito altruísta.

Ainda me lembro quando ele faltou a uma festa nossa, só porque estava auxiliando uma amiga no deserto. Vc Lembra Monge? E como ela está agora?

Os sacrifícios que se fazem para auxiliar quem mais precisa.......

O Monge já tem lugar no céu dos Monges......

Agora falando sério.

Monge só vem essa amiga, vc não encontra mais nenhuma alma necessitada?

Sabe, me parece que o Sirius tambem quer entrar no clube da Caridade. Rstststts:fumando: 

Ver perfil do usuário http://portaisdeluz.forumeiros.com
Sirius escreveu:Monge... pensei que estavas no caminho da santificação e afinal... és o Rei do Pecado!
Calma meu caro amigo.......

É muito fácil dizer q não se peca mais quando evitamos as fontes.....

Por isso vivo testando minha santificação, então eu agarro o pecado, eu beijo o pecado, eu devoro o pecado, etc..... e vejo se continuo santificado..... simples.....

Lembre-se da correção q sugeri:

"VOCE NÃO É TOTALMENTE RESPONSÁVEL POR TUDO QUE LHE ACONTECE"


_________________
SDS

Monge Copista, Copeiro, Espadado, Chaveiro, Sarcástico, Piadista, Diarista.....
Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 2]

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum