Portais de Luz

Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Parceria

Facebook
Palavras chave

amuletos  mundo  fria  livros  quente  Cordões  energéticos  energia  

Maio 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031   

Calendário Calendário

Últimos assuntos
» Atendimento Portais de Libertação
Qui Maio 17, 2018 6:42 pm por Lancelot

» Mago.Hellblazer
Qui Maio 17, 2018 5:32 pm por Lancelot

» A história da Umbanda
Qui Dez 21, 2017 11:36 pm por Lancelot

» Espaços mágicos e correntes
Qua Dez 20, 2017 11:29 pm por Lancelot

» Piano Bar Convívio
Qua Dez 20, 2017 10:49 pm por Lancelot

» O poder das Pedras Pretas : para limpeza energética e proteção
Qua Dez 20, 2017 10:46 pm por Lancelot

» Um regresso
Qua Dez 20, 2017 12:11 pm por Lancelot

» Feliz Natal 2017
Ter Dez 19, 2017 10:34 pm por Lancelot

» O atomo sob a Luz da Clarividencia
Qui Set 14, 2017 9:01 pm por Lancelot


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Portais de Luz » Ocultismo » Ocultismo em Geral » Portais » Portais de Libertação » É facto

É facto

Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 É facto em Sab Maio 04, 2013 7:53 pm

Convidado


Convidado
E contra factos não há argumentos. Assim é a lógica dos resultados visíveis aos nossos olhos. O estudo das religiões é um factor de fixação, de crescimento de um dogma, de uma filosofia ou mesmo a colocação da riqueza de diversidades culturais.

É pena que muitos ainda insistam em negar tal facto. As religiões mais antigas fixaram-se através do seu entendimento pelo estudo das suas leis. Outras, extinguiram-se e a sua riqueza perdeu-se por não haver a preocupação e responsabilidade de documentar e passar o conhecimento através do estudo.

Assim, encontramos dentro da espiritualidade muitos que são a favor do estudo e da sua diversidade. As linhas de afinidade falam mais alto, aproximando os seus afins.

Mas encontramos também aqueles que negam o estudo, ou por não saberem e não entenderem a sua filosofia religiosa, ou com a intenção de dominar aqueles que não possuem tal conhecimento.

Na contra parte disto, encontramos o médium que, através do mau uso da sua mediunidade, ou por não a entender, forma o caos que aí está.

Hoje, o caos em torno da mediunidade é também um facto a ser analisado profundamente. Muitos colocaram mitos inexistentes na relação médium / forças espirituais.

Colocaram força no negativo de tal forma que encontramos médiuns mergulhados na amargura, desprovidos do real conhecimento sobre a sua força.

As religiões estão ocasionando muito isso, levando temor aos seus fiéis dentro dos templos, colocando a razão do caos nas suas vidas num ser negativo, muito mais criado pela psique do que uma força real existente.

Mesmo que haja uma força negativa, pergunto: como é que a escuridão pode se sobrepor à luz? Deus, suas forças e seus guias são luz!

Respostas! Precisamos de respostas para os nossos médiuns e só através dos estudos isso é possível. É através do conhecimento que temos a capacidade de reverter o caos que se instalou em torno dos nossos médiuns que acreditam muito mais numa “demanda” do que em Deus ou nas suas próprias forças mediúnicas.

Aos ditos Pais de Santo, Babalorixás, Sacerdotes, Dirigentes, é hora de sair do altar e deixar que as Verdadeiras Divindades se coloquem Nele. Deixem os seus médiuns crescerem pelo estudo sem os aterrorizar com a sua suposta força negativa que os prende e os magoa.

Não temo estes que, para a espiritualidade, são os ditos falsos profetas dos nossos tempos. Sabemos que existem Sacerdotes sérios que somam e realizam grandes tarefas na espiritualidade, bem como médiuns extremamente preparados e conscientes das suas tarefas.

Aos médiuns, digo: creiam no Criador, na sua força, nos seus guias. Aprendam, estudando; façam curso; visitem outros templos e, impreterivelmente, libertem-se!

Ortiz Belo de Souza

http://portaisdelibertacao.pt/

Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum